O amanhã pertence à ninguém

Eis que digo: viva o hoje.

É o hoje a razão para todos os seus amanhãs. É o hoje o motivo pelo qual ontem já não estar mais presente. Temos o hoje e, hoje, o hoje basta.

Deixe que o amanhã chegue, sem pressa, para fazer o seu papel. Liberte o amanhã para que ele tome forma bem devagarinho. Permita que o amanhã se torne hoje também.

Deixe a coisa rolar, deixe a vida acontecer. Permita-se mais.

Perceba o mundo ao seu redor, veja as flores crescendo em seu ritmo lento. Observe os pássaros voando em todas as direções. Sinta as rajadas de vento te empurrando, te levando, soprando em seu ouvido.

Sinta-se livre, mas deixe-se prender naquilo que tanto ama. Erre e aprenda, mas que seus erros nunca te definam. Sofra. Ganhe sabedoria. Viva experiências. Colecione memórias.

Deixa o tempo fazer seu trabalho, deixa você ser você.

Viva. O Hoje.

O tempo todo.

Ingrid Tanan

Ingrid Tanan

A Ingrid é a moça dos sorrisos com covinhas e das bochechas rosadas. Ela aprecia um bom livro e, mais ainda, uma longa conversa sobre ele. Apaixonada por design, música, Friends, marshmallow, Tim Burton, cadernetas, postais e post-its. Acredita que escrever é seu momento – é poder estar consigo e refletir sobre o finito e infinito. Você pode encontrá-la em qualquer livraria de São Paulo ou às sextas aqui no Uma Boa Dose.
Ingrid Tanan

Últimos posts por Ingrid Tanan (exibir todos)

Experimente também

Águas (paulistanas) de março

Por Bruna Estevanin

Passei minhas duas primeiras semanas em São Paulo enfrentando um calor de quase 40 graus até ver a primeira chuva […]

Nós, os Apaixonados pela Cidade

Por João Vítor Krieger

Enamorar-se por sua cidade é um verdadeiro ofício. Explico: há dois tipos de moradores em uma cidade. Digo isso pensando […]

Degustando...